Número total de visualizações de página

sexta-feira, maio 23, 2014

faltou algo por dizer..


Para a posteridade fica uma das épocas mais bonitas.
O reerguer, depois de no ano passado terem dito que tinha sido uma época má, na minha opinião o ano passado foi apenas o primeiro passo até chegarmos á tona da água.
Até aí era tudo muito sofrível, era intérpretes que deixavam duvidas, eram exibiçoes que por vezes deixavam duvidas...e ainda assim, chegamos as finais todas, as decisões, o que nos esmagou foi a ambição e a pressão. Para o comum dos mortais foi o perder tudo, mas apenas nao estavam (ou até estavam...) a ver a big picture, porque se sentia que era o voltar do Glorioso.
Foi o voltar á estrutura, á união verdadeira com os adeptos, sem veigas e apenas com uma leve carraça.
Nós que por lá andamos a puxar pelas camisolas vermelhas e pelo simbolo da águia, sabiamos que era mesmo assim. reconstruiu-se a casa como deve ser, mas...ainda faltava o sofrimento final. É isto a nossa vida, ganhar ou perder é mesmo assim. Pensei isso mesmo quando recebemos o Moreirense, sabendo já que os canários da cidade do móvel iriam oferecer o jogo..afinal , jogamos sempre com sistemas politicos, juízes, doping, facilitadores, treinadores com atitudes díspares perante o adversário, olivedesportos a fazer pressão..enfim todo aquele polvo que sabemos que existe.
Faltava-me algo, eu que almejei chegar ao futebol profissional durante tantos anos, lá consegui vestir a pele. No ano que todos diziam ser a pior época..fiz-me sócio e comprei a minha camisola.
só podia ser de um, depois da classe e do coração do Jonas Thern, nao me revia em ninguem (isto é aquele momento que o adepto/sonhador se revê)...voces sabem do que eu estou a falar..tinha de ser o Enzo. so podia. nao era o david luiz, nem o javi, defesas-esquerdos podia ser eu..(lol) mas nao chegou a chance cof cof cof....:)..enfim... Enzo.
nova época, muita gente boa e talentosa, o risco de manter a estrutura, nao o risco de nao se saber o que se fazia, risco de pensar..o timing chegou ao fim?..(sem falar na imprensa e nos seus lacaios que para o SLB é tudo uma crise e um risco, e uma derrota..)para os outros é sempre um percalço e uma pressão muito menos incisiva. Mas é esse o sentimento, que para uns é a pressão do mundo, para os outros, é um "está tudo bem, está tudo bem..."..okay aqui haverá mil argumentos, mas carlos daniel, joaquim rita, tadeias, os gordos da sic, os cromos da tvi, o bruno prata..enfim um sem fim de gente que gratuitamente faz vida á pala de dizer mal e por pressão no nosso clube.
Fechou-se, o presidente fala pouco e oportunamente, os adeptos aprenderam que só depois podemos falar, ao contrario de alguns que este ano eram comunicados e que "os adversários têm que começar a dar mais luta..."quando treinavam á terça com o alcochete e ao sabado tavam fresquinhos, mas isso acaba-se..
outros...a tentar esticar o tentáculo, olivedesportos na pressao aos clubes, rodar treinadores, jogadores, lesões, caídas do autocarro, lesoes encomendadas, mas...tudo vai caindo. agora andam com o discurso do centralismo e regionalismo, coisas que nos anos 70 pegaram..enfim, adiante.
Esta época foi nossa, toda nossa, apartir do dia de Reis (ha com cada coincidencia), disparamos, tropeçamos e tal, mas fomos em frente, rodamos, jogou o manel, a equipa manteve-se, vontade, sem azias, a lesão do tacuara ajudou a equipa (o que nao nos torna em ingratos), pois ainda marcou e bem com o estoril, com os lagartos, e outros tentos que naquele inicio de época tanto precisavamos de arrancar..apartir daí, foi lutar muito e tudo foi acontecendo. Derbys, classicos, fomos roubados, tivemos um jogo ou dois que caiu para o nosso lado (no restelo..e mesmo assim nao me lembro de mais nada) e ha duvidas de interpretaçao, em todo o caso nao era por aí. Iamos vencer, tentou-se criar uma redoma aos lagartos, os andruptos a 10 ainda eram um papão, e nós que estavamos bem é que ganhavamos por pouco, a defesa tremia, o ataque vacilava..estava tudo ao contrario. E ainda assim chegamos ao pote, taça da liga, juventus em casa, hart lane, guimamerdas em casa, nacional na choupana, turim...a segunda vez de turim, foi daquelas encomendas que ja sabemos como é, na liga dos campeões é a mesma coisa, o penalty cá do Enzo nao deu, as suspensoes, o amarelo ao salvio, markovic, a linha que o porco do beto teimava em nao pisar, sem falar nos brindes..falhamos golos, fomos roubados, mas sabiamos que foi demérito nosso. com uma equipa remendada..(so para dar a entender o nivel que estamos a chegar) eu acredito que o copo está meio cheio. nao é passageiro, é importantissimo o proximo ano, quebrar a malapata, manter, sai um , entra outro, mantem a estrutura, dividendos, patrocinios, a massa adepta mais unida, estamos bem. ha massa critica, ha sempre possibilidade de fazer melhor. nao sou Vieirista, mas o homem tem estado bem. é facil dizer mal, mas o nosso enredo nada tem a ver com o polvo, nem com um clube com 30 mil socios.

vamos em frente, saborear o momento, parabens a todos. a Mística voltou.

havia muito mais, mas hoje ja vivemos aquele sentimento de pertencer a algo que foi despedaçado após a era-Damásio..e daí vieram muitos anos até aos dias de hoje.
Vamos campeões.

LCD yeah (pretentious version)


Breathe!






Vinil.

ouvir isto com aquele arranhar, com aquela pureza é das coisas mais indescritíveis de todo o sempre.

obrigado, era só isso.

até já.
Real Time Web Analytics