Número total de visualizações de página

domingo, julho 11, 2010

amor material vs amor e uma cabana.







ja ha algum tempo que as metáforas ou as palavras propriamente ditas nao surgem por aqui. Sim porque as metáforas nao são palavras, sao sentimentos ou qualquer tipo de imagem intrínseca, que fica e suplanta até trazer algum tipo de sensação. (agora lembrei-me do carteiro de pablo neruda).

E de repente deu-me para voltar aqui e despejar umas alarvidade (que vem do fantástico alarve),colocar uma musica e umas letras. isto sem sentido algum em concreto, ou profundezas e transparências. apenas porque sim.

no outro dia falava-se se será justo criticar as pessoas que passam, ou vao passando a gostar mais da outra conforme o que a mesma lhe possa proporcionar.. será hipocrisia? a verdade é que todos nós queremos alguem que possa alinhar numa viagem ou simplesmente que tenha possibilidade "de". tal como secalhar nao podemos criticar as miudas que gostam dos z3's e dos porsches, afinal o status quo que lhe proporcionam, ainda que emprestado, pode ser uma forma de conforto ou simplesmente ajuda a "amar" um pouco mais. certo?..

é que isto da balança entre o amor e uma cabana e o tens "porsche igual a amor" nao é algo assim muito fácil. todos nós gostamos minimamente de algum objecto, algum material, algo que te identifique, dê oportunidade de mostrar quem és e o que gostas; e se do outro lado nao temos alguem que possa alinhar ou anda sem projectos e ideias..torna-se tudo muito mais dificil.

será que nao é uma forma tambem de fazer distinção?!..umas ou uns, porque do outro lado têm algo material que lhes pode dar algo que sonham alcançar, e outros que põem de lado por nao poderem seguir in the same path. isto de hipocrisias , egoísmos tem muito que se lhe diga.
interesseiros/as ha muitos, uns por motivos sentimentais,outros materiais, outros é mesmo so para comer.
moral da historia, cabras e tarolos é o que não falta por aí, uns com mais razão, outros nem tanto. Pessoalmente confesso que nao me importa o que se possa ter ou nao. vale o que vale, mas acima de tudo o bom gosto, creio. sem isso nada feito. ah, e personalidade. dá jeito. nao gosto cá de putedo e gente parva.

(nao disse nem metade do que queria ter dito)

obs: se alguma rapariga tiver um spider ou um duetto, é favor deixar contacto.
tenho 3 vespas, um 147, 2 mil cabeças de gado, uma quinta em azeitão, uma casa de férias no sul de Italia, costas largas e seco , espontaneo , leve,tranquilo,inteligente, culto, sentido de humor , danço, bonito e tesudo e consigo fazer 3 coisas ao mesmo tempo.

2 comentários:

Hannah disse...

Só digo... no fim da vida ou nas alturas em que estás no fundo do poço, são as coisas materiais que vão estar do teu lado e dar-te a mão?? ;) Beijão**

o mesmo de sempre. disse...

subscrevo totalmente minha cara, por isso é que ha quem só queira o caviar ;) beijo!!!

Real Time Web Analytics