Número total de visualizações de página

quinta-feira, novembro 28, 2013

Enzo , 35.


Número estranho. Sem historial, jogador que apareceu com curriculo nas Pampas mas com muito por mostrar..
hm.. baixo, não muito rápido para aquela posição, ainda fez uma birra que nao queria vir para a europa, encontra uma lesão grave no joelho e volta para as Pampas..o Amorim por menos foi recambiado para Braga. Afinal eram dois exemplos e duas sentenças..olhei com soslaio para este rapaz.
no entanto, medio centro, (hum? Witsel?)..nada a ver, começa a crescer, passada curta, bom de bola, raça demolidora, uns golos, nao falha muito, faz o seu trabalho, fazer jogar, como se a posição que ocupa lhe desse humildade, irrita-se, grita, puxa, festeja, é louco, tem brio..gosto destes jogadores loucos.
Tem bom passe, põe a inteligencia a funcionar a frente e nas costas (quando é preciso) do gigante sérvio. Realmente fazem-nos pensar que pouco nada percebemos quando (e este post já vem com um ano de atraso) um 7 e um 8 fazem dois optimos 6's e 8's...
Mas mais importante que tudo, a meu ver, é que ali reencarna-se a alma benfiquista, olhos nos olhos seja de quem for..sabemos que aquele 35 vai dar tudo, correr até á morte, perder bolas, ganhar na raça, antes quebrar que torcer. é so isso que pedimos.
és Grande Enzo.
eu, que nunca comprei a "camisola" por mil motivos, por respeito ao meu Vitoria, admito que depois do Thern, é esta a fera que elejo. David Luiz, Javi, Witsel, houve alguns que estiveram perto, mas pelo caso irónico e singular, pelo carácter que por vezes nos faz gritar, protestar, pelo carácter que fica nas quatro linhas, parece-me que será este ano que a compro.
35, Enzo.

Sem comentários:

Real Time Web Analytics