Número total de visualizações de página

terça-feira, fevereiro 14, 2012

Ny.

Ficaram aquém. Nem pouco mais ou menos consegui mostrar metade do que vi por lá.
A sério. zero valores mesmo.


secalhar foi das mil sensações, do estado meio anestesiante em que andei. Também pode ser sinal que vivi mesmo cada minuto que por lá andei.
Acho que com os dias cinzentos, com o momento inesperado com que tudo surgiu, foi uma NY de bon iver, Maxwell (com fartura),com The National, com Black Star(radiohead), (lembro-me de alguns momentos e do que ouvia na altura...), lembro-me de caminha na Park Avenue e ouvir a great indoor's do J.Mayer, de ter ido á Saint Patrick's reflectir um pouco (afinal é o dia dos meus anos), lembro-me de ter ido a Staten Island e voltado com Mind Da Gap, a sério era o que ouvia ( lol )...nao entrei muito nos DMX's nem nos Tupac Shakur's..nao sei..quis uma coisa mais de rua que tenho por perto. que ouvia por cá nas ruas. quis fazer uma viagem simples. de verdade, uma viagem que as pessoas normais fazem. Fui com zero expectativas, planeei minimamente, e fui embora.
Nova Baby dos Black Keys, lembro-me de ter andado por chelsea e na highline com um frio desgraçado com ladyhawke, chromeo num sitio ou outro..

mas voltando ao ponto importante. Fui esmagado. Completamente. o que pretendia ir ver, consegui, outras coisas ficaram para outra altura no verão de um ano qualquer.
Achei Midtown bem tranquila, com pessoas normais, vi uma chinatown surreal, uma little italy cheia de bom gosto, greenwich com uma vida fantastica, a chelsea cheia de pinta e coisas giras.. central park estava vazio (Broken Social Scene), mas valeu pela manha e pelo pequeno almoço.. o metro distinguia bem onde andava..pessoas de todos os lados(o meu lado margem sul tinha uma outra visão,creio).
faltou-me kyuss, faltou-me kanye para queens e brooklyn. (dizem que nao se deve andar muito por lá...faltou-me tempo basicamente)..
nao consegui super a uptown acima de central Park. foi pena.
Bryant Park tava bem repleto de boa onda, fui ao Fat Cat ouvir um jazz amador, parei num pub que tinha uns vinhos argentinos brutais e uma miuda ruiva lindissima a cantar. (lembrei-me da Hendrick's)..
perdi-me, Tribeca, Soho, ruas repetidas (lol)..mas tudo muito bom.
Tive uma companhia fantastica, cheia de pica para palmilhar terreno, o que é fantastico.
MOMA, matisse's picasso's Degas's mil fotografias, instalações, top of the rock's..
(fui a tanto lado que aos poucos me vão ocorrendo todas as imagens).
Parece-me que esta foi uma NY de rua e de pessoas simples. sem momentos arrebatadores, porque tudo ja é suficientemente arrebatador.
Sushi's, mexicanos, steak houses's, bagel's, Cipriani na grand central station, chelsea market foi a cereja no topo do bolo, chocolates, ...fiz bem em não ter fotografado o que mais gostei. de verdade, creio que isso deve significar que estive lá por completo.
Pessoas simpaticas, mulheres lindissimas, rapazes cheios de estilo.

mission acomplished.

(quando vir as fotos com atenção coloco algumas aqui).

2 comentários:

Ego disse...

gostei da tua NYC ;)

Kate disse...

Ahhh NY, é sem dúvida uma das grandes viagens a fazer. E pelo que li percebi que gostaste e que valeu bem a pena:)**

Real Time Web Analytics